Como construir autoridade no seu mercado, mesmo que você se sinta um Zé Ninguém

Como construir autoridade no seu mercado, mesmo que você se sinta um Zé Ninguém

Como construir autoridade

Qualquer pessoa com um mínimo de autocrítica que tenha estudado marketing de conteúdo já deve, em algum momento, ter se feito essa pergunta: Como construir autoridade sem parecer um impostor?

No curso Presença Digital de Zero a Dez, que agora chega à quarta etapa, eu tenho explicado em detalhes como criar uma presença na internet que sirva como fonte de renda ou mesmo como seu trabalho principal.

Já são 41 aulas publicadas e agora que terminamos o primeiro terço do curso. Apesar de tantos detalhes, a estratégia toda do curso pode ser resumida em três pilares principais:

  1. Crie um lugar na internet onde você possa publicar conteúdo altamente relevante para um nicho de mercado
  2. Construa autoridade se relacionando com as pessoas desse nicho
  3. Obtenha retorno de uma parte desse nicho depois de ter oferecido conteúdo gratuito a todo ele

O problema que quero abordar na aula de hoje está justamente no segundo pilar. E esse problema é popularmente conhecido como síndrome do impostor.

O que é a Síndrome do Impostor

Síndrome do Impostor

Se você é especialista em um assunto, mesmo que seja em um hobby, sabe bem que quanto mais você conhece um tema, mais descobre o quanto não sabe nada.

Eu, por exemplo, conheço um pouco de comunicação na internet. Estou envolvido com isso desde os meus 13 anos de idade, desde o primeiro ano em que a internet comercial chegou ao Brasil.

Fiz a faculdade em Comunicação, extensão em jornalismo on-line, MBA em marketing digital e fui cursar uma especialização de um ano no exterior com foco em marketing de relacionamento.

Meus amigos e familiares me consideram um especialista no assunto. Quando têm dúvidas sobre um assunto – desde instalar um aplicativo até resolver um bug em um site – eles me consultam.

Mesmo assim, eu sei que – perante tantos bons profissionais que existem no mundo – eu não domino verdadeiramente nem 10% do que se há por conhecer nesse mercado.

E, se eu sei tão pouco, como posso me meter a ensinar outras pessoas sobre o assunto?

A pergunta errada

Como construir autoridade

Você consegue perceber o erro na pergunta acima?

É óbvio que eu não posso ensinar a quem sabe muito mais do que eu sobre determinado assunto. Só que esse não seria o meu possível público-alvo do nicho de mercado da comunicação na internet.

Se a ideia é ser professor, obviamente eu ensinaria a pessoas que sabem menos do que eu.

A Síndrome do Impostor é justamente essa insegurança que muitas pessoas sentem quando são chamadas a dar uma aula ou palestra, a criar um curso, a vender um produto.

E essa insegurança surge quando você olha para o lado errado. Quando olha para o que não sabe em vez de focar no que você sabe mais do que as outras pessoas.

Se você fizer isso, certamente se sentirá um impostor por estar pedindo dinheiro (ou qualquer outro tipo de retorno) das pessoas se posicionando como uma autoridade que você, na sua cabeça, não é.

Entendida a tal Síndrome, resta saber como superá-la…

Como construir autoridade mesmo sofrendo com a Síndrome do Impostor

Como ser um especialista

A resposta para a pergunta sobre como construir autoridade pode ser encontrada no primeiríssimo pilar de uma estratégia de marketing de relacionamento: criando conteúdo relevante para o seu nicho de mercado.

Vamos destrinchar essa resposta em três pedaços:

  1. Criar. Criar é diferente de copiar, adaptar, compilar ou qualquer outro termo que você utilize para preguiçosamente alimentar o conteúdo do seu projeto. Se você cria, se expõe suas ideias e pensamentos com uma voz própria, já começa a descobrir como criar autoridade.
  2. Conteúdo relevante. Eu prefiro o termo “relevante” a “de qualidade” porque existem casos em que a qualidade não importa tanto. Um site de hard news, por exemplo, deve estar mais preocupado com a velocidade e a constante atualização do que com a produção de matérias extremamente detalhadas sobre o que acontece no cotidiano.
  3. Para o seu nicho de mercado. Um vídeo sobre o Big Brother Brasil é algo relevante ou irrelevante? Depende. Se o seu nicho de mercado é literatura russa, com certeza é irrelevante. Mas se o seu nicho é fofocas e televisão, o vídeo é relevante.

Saber como construir autoridade não significa saber tudo sobre o tema do seu projeto. Significa, apenas, saber um pouco mais do que a maioria das pessoas do seu nicho sobre o assunto do qual você está tratando.

Se você focar em criar conteúdo relevante para o seu público-alvo e lembrar que precisa saber apenas um pouco mais do que eles, logo logo saberá como construir autoridade sem sofrer com a Síndrome do Impostor.

E aí você poderá até escolher que tipo de especialista quer ser.

Brendon Burchard e os 3 tipos de especialistas

Tipos de Especialistas

Você lembra qual foi o primeiro dos 31 livros que já indiquei até aqui no curso Presença Digital de Zero a Dez?

Foi um pequeno livrinho chamado O Mensageiro Milionário, escrito pelo americano Brendon Burchard.

Comecei com esse livro por ele ser bastante simples e por abordar, em poucas páginas, toda a visão macro de uma estratégia de marketing de conteúdo. Sem entrar em detalhes técnicos.

Na obra, Brendon Burchard deixa claro que, se você quer que alguém compre algo de você ou mesmo obedeça algum comando seu, você precisa ser uma autoridade no assunto para essa pessoa.

O próprio dicionário define autoridade como “o direito ou poder de ordenar, de se fazer obedecer”.

Para conseguir isso, Burchard diz que existem três caminhos a seguir. Três tipos de especialista que você pode se tornar.

1. O Expert em Resultados

Especialista em Resultados

Você sabia que uma das maiores autoridades em emagrecimento no Brasil não é médico nem nutricionista, mas sim engenheiro?

Rodrigo Polesso não tinha qualquer formação na área de saúde quando produziu e começou a vender como água o e-book Emagrecer de Vez.

Ainda assim, ele testou e aplicou nele mesmo as técnicas de alimentação forte que ensina. Ele obteve resultados. E, com esses resultados, construiu sua autoridade no assunto mesmo sem um diploma na área.

Descubra o método de 10 etapas que qualquer pessoa pode usar para criar presença digital e transformar seu hobby no seu trabalho começando do zero hoje mesmo.

Pense em tudo o que você já fez na vida. Para qualquer um desses itens, você pode ser uma autoridade em relação a quem não obteve esses resultados.

Se você dirige um carro, você pode ser uma autoridade no assunto para quem não dirige. Se já passou no vestibular, pode ser uma autoridade para quem está tentando. Se já teve filhos, pode ser um especialista para quem não teve.

Óbvio que você terá que saber como organizar e transmitir esse conhecimento. Mas, se tem os resultados para mostrar, já pode se posicionar como um especialista para determinado grupo de iniciantes dentro de um nicho de mercado.

2. O Expert em Pesquisas

Especialista em Pesquisas

Eu sou formado em jornalismo. Essa é uma profissão interessante. Nós escrevemos sobre um monte de coisas sobre as quais não conhecemos quase nada.

Quando trabalhava em um jornal, fui escalado para escrever uma reportagem completa sobre osteogênese imperfeita.

Você sabe o que é isso?

Eu também não sabia. Mas tinha que escrever em alguns poucos dias uma matéria sobre o assunto.

O que fiz?

Pesquisas.

Busquei no Google. Entrevistei médicos. Fui a casa de uma criança que tinha essa doença. Assisti a um filme que trata do assunto.

Em poucos dias, me tornei “um especialista no assunto”. Não um especialista se comparado a um médico, mas sim uma autoridade no tema se comparado ao restante da população que nunca ouviu falar do assunto.

Se você dedica-se a estudar profundamente um assunto, a pesquisar e publicar informações sobre o tema no seu hub, outras pessoas o enxergarão como um especialista no tema. Ainda que não tenha resultados práticos na área.

Por isso, você pode criar um blog sobre milionários sem ser rico. Pode ter um canal no YouTube sobre direção de cinema sem nunca ter dirigido um filme. Pode escrever sobre como cuidar de um bebê sem nunca ter tido um filho.

O seu “poder” é saber como construir autoridade a partir de pesquisas aprofundadas. E isso abre um leque de possibilidade para explorar qualquer nicho de mercado que queira.

Como diz Burchard, especialistas são primeiro aprendizes. Você pode pesquisar qualquer tema e se tornar um especialista em alguma área, começando agora.

3. O Modelo de Comportamento

Modelo de Comportamento

Você já parou para se perguntar por que agências de publicidade pagam cachês caríssimos a artistas e celebridades para recomendarem produtos com os quais eles não têm qualquer relação?

Por que você compraria uma escova de dentes recomendada pela Ivete Sangalo?

Por que contrataria uma consultoria indicada pelo Tony Ramos?

Por que a Suzana Vieira vende Corega se nem dentadura ela usa?

A resposta está no que Brendon Burchard chama de modelo de comportamento:

As pessoas ouvem aqueles em quem confiam, respeitam, admiram e seguem. Elas prestam atenção em modelos de comportamento.

É por isso que tantas pessoas que trabalham com marketing de conteúdo buscam saber como construir autoridade não apenas no assunto específico de que tratam. Mas também em outras áreas, como foco, disciplina, responsabilidade social e ambiental etc.

Elas querem ser vistas como modelos de comportamento por que sabem que os demais tendem a confiar mais em pessoas assim.

Embora possa parecer não ser uma motivação moral adequada, não estamos aqui discutindo filosofia kantiana. Estamos simplesmente observando o que dá resultados.

E falando em resultados…

Não procure atalhos, eles demoram demais

Não procure atalhos

A melhor resposta para a pergunta “como construir autoridade” é sendo uma autoridade.

Em outras palavras, não procure saber “como parecer um especialista” em determinado assunto. Seja essa especialista.

Dedique seu tempo a dominar o tema, a melhorar os seus conhecimentos, a adquirir uma boa comunicação. Faça disso um hábito e, em pouco tempo, você não apenas vai parecer um especialista. Você será um.

E descobrirá que ainda tem muito o que aprender.

Sonia Simone, do Coppyblogger, adora repetir em seus podcasts a frase “Não procure atalhos, eles demoram demais”.

Sabe aquele caso do aluno que passa horas elaborando uma cola super sofisticada, incapaz de ser detectada pelo professor que aplica a prova?

Provavelmente ele teria aprendido todo o assunto se dedicasse aquele tempo a estudar a matéria…

Quando se trata de construção de autoridade, o pensamento é o mesmo. Não queira buscar atalhos para “parecer” um especialista. Simplesmente dedique-se a ser esse especialista. Os resultados serão muito melhores.

Plano de Ação 4.1

Ao final de cada aula do curso Presença Digital de Zero a Dez, ofereço uma série de tarefas específicas para você executar.

A ideia é não ficarmos apenas na teoria, mas partirmos para transformar, na prática, projetos em realidade.

As tarefas estão numeradas de forma sequencial desde a primeira aula, para que alguém que chegue no meio da jornada possa se localizar com facilidade.

Tarefa #47: Defina o tipo de especialista que você vai ser

Sua tarefa agora é escolher que tipo de especialista você inicialmente vai ser no seu projeto:

  • Expert em resultados
  • Expert em pesquisas
  • Modelo de comportamento
  • Outro (qual?)

Sim, você pode escolher mais de um. No entanto, é recomendável que foque inicialmente em um. Torne-se bom nele. E depois combine com outro. Ou com todos.

Se precisar, releia o Livro #1 para ter uma base melhor para a sua escolha.

Esta foi a primeira aula da etapa sobre como construir autoridade, a quarta das 10 etapas do curso Presença Digital de Zero a Dez.

Se você quer ver algum assunto específico abordado nesta etapa, deixe um comentário abaixo com as suas sugestões.

Nos vemos na próxima aula do curso, que ensinará como você pode elaborar um mapa de empatia com o seu público-alvo.

Walmar Andrade
Perguntas dos alunos

6 comentários
  • E você, que tipo de estratégias utiliza para a construção de autoridade? Vamos continuar o papo aqui nos comentários!

  • Muito bom! Obrigada por ser tão claro e direto! Sou uma especialista em Pesquisas e nem sabia! rs Na verdade abriu meus olhos para o valor que tenho para me posicionar, já que até então buscava apenas o expert em resultados como se fosse a única maneira para criar autoridade.
    Consequencia disso? Foco errado! Perdi um tempão tentando vender primeiro para criar autoridade através de meus resultados! Agora entendo que usar estudos e pesquisas para gerar conteúdo de valor e assim criar a autoridade que pretendo é a melhor maneira, mais eficiente e consistente.
    Abs,